Mergulhando nas palavras


Segunda-feira , 25 de Abril de 2005


CASO GRAFITE

Essa mistura de futebol com racismo já é bem antiga na rivalidade Brasil-Argentina. O caso Grafite (e o apelido não é invenção dos argentinos) deita raiz no dia 6 de outubro de 1920. O Brasil foi jogar com a Argentina, em Buenos Aires, e, na véspera do jogo...

... um importante jornal portenho publicou, na primeira página, uma charge com um time de macacos vestindo o uniforme do Brasil. E a legenda: "Los hermanos macaquitos".

Três jogadores negros do Brasil pediram para não jogar e o Brasil entrou em campo com oito. Então, em solidariedade, a Argentina também jogou com oito.

E qual foi o resultado do jogo? Argentina, 3x1.

No mais, a velha lição da antropologia social: nem todos os imbecis são racistas, mas todos os racistas são imbecis. Afinal, racismo é traço de demência. Não é caso de polícia. É caso de hospício. 

Joelmir Beting (15/04/2005)

  No texto acima, o jornalista denuncia episódios de discriminação étnica explícita: insultos a jogadores negros brasileiros durante jogos de futebol.

Agora, chegou a sua vez!

Comente a violência contra os negros!

 

 

Escrito por Fabrícia e Marisa às 10:58
[ ] [ envie esta mensagem ]
Busca na Web:

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Mulher, Portuguese, English, Livros, Cinema e vídeo, Viagens